7 erros comuns no uso de lente de contatos

Por Ana Carolina Xisto

Quando se trata do uso de lentes de contato, a conveniência e a liberdade que elas proporcionam são inegáveis. No entanto, é crucial estar ciente dos erros mais comuns que podem comprometer a saúde dos olhos e a durabilidade das lentes. Neste guia, exploraremos sete práticas inadequadas e como evitá-las para garantir uma experiência óptima no uso de lentes de contato.

  1. Dormir com as lentes de contato: Este hábito pode resultar em sérias infecções oculares, além de comprometer a oxigenação adequada da córnea. A falta de limpeza diária e desinfecção das lentes pode levar a sensibilidade ocular, alergias e interrupção no uso.
  2. Exposição às águas: Piscinas, mares e até mesmo o banho são ambientes onde as lentes de contato não devem ser usadas. A água contém microorganismos que podem se acumular nas lentes, resultando em infecções oculares. Além disso, há o risco de as lentes se deslocarem ou serem perdidas.

    VEJA TAMBÉM: Conheça o profissional especialista em lente de contato

  3. Falta de limpeza diária: A limpeza diária das lentes de contato é essencial para remover a lisozima e outras impurezas que se acumulam nelas. A falta de limpeza pode levar a sintomas como irritação, sensação de areia nos olhos e visão embaçada.
  4. Não trocar ou limpar o estojo: O estojo das lentes também requer limpeza diária e deve ser substituído a cada três meses para evitar a proliferação de bactérias e fungos.
  5. Ignorar o prazo de validade: Assim como os alimentos, as lentes de contato têm um prazo de validade. Usar lentes vencidas pode causar irritações e infecções oculares.
  6. Uso prolongado: Não é recomendável usar as lentes de contato por mais de 12 horas por dia, pois isso pode causar desconforto e aumentar o risco de complicações oculares.
  7. Higienização inadequada: Substituir a solução multiuso por soro, água ou saliva pode ser arriscado. Somente os produtos específicos para lentes de contato garantem uma desinfecção adequada e a remoção de proteínas.

Ao evitar esses erros comuns e seguir as práticas recomendadas, é possível desfrutar dos benefícios das lentes de contato de forma segura e confortável. Lembre-se sempre de consultar um oftalmologista para orientações personalizadas sobre o uso e cuidado das lentes de contato.

Consulte uma contátologa

A contatologia, uma área especializada da oftalmologia, é dedicada exclusivamente ao estudo e aplicação das lentes de contato. O profissional que atua nesse ramo desempenha um papel fundamental ao realizar testes de adaptação e oferecer orientações aos pacientes que buscam uma alternativa aos óculos.

Eu, Ana Carolina Xisto, sou contátologa e estou com agenda aberta na COE-Rio às segundas-feiras, quartas-feiras e quinta-feiras. Qualquer dúvida, entra em contato com a gente 🙂

AGENDE UMA CONSULTA AGORA


Ana Carolina Xisto é contatóloga (especialista em lentes de contato) e atende 3 vezes na semana no COE-Rio